Aperta o play: ZZ Ward

ZZ Ward, ou Zsuzsanna Eva Ward, é meu novo vício! Eu achei o canal dela quando passeando pelo Youtube e viciei nas músicas. Pensei que fosse ser algo meio country, mas ela tem uma estilo diferente que mistura um pouco de soul, um pouco de hip hop… Sabem aqueles cantores e bandas que a gente não sabe bem classificar bem que tipo de música fazem? Então, é por aí! hahaha…

zz ward albums

Ela começou a carreira por volta de 2006, mas só em Maio desse ano que seu primeiro EP foi lançado com quatro músicas: Move Like U Stole It, Criminal, Til the Casket Drops e Put the Gun Down – que foi a primeira que escutei dela e me viciou!
ZZ não perdeu tempo e o primeiro álbum, Til the Casket Drops, saiu agora em Outubro com treze faixas, incluindo as quatro do EP. Eu baixei há uns dias, não paro de escutar e até agora as minhas favoritas são Cryin’ Wolf, If I Could Be Her e Save My Life.
Pelos dois vídeos já dá pra perceber que ZZ não abre mão de um look mais masculino (calça, camisa e chapéu fedora), parecido com o que os antigos cantores de soul e blues usavam, mas ela dá uma equilibrada com uma peça mais colorida ou de corte mais feminino. Enfim, eu amei o estilo dela! :D
zz ward estilo
Acho que o estilo musical dela é diferente de muitos outros cantores por aí – e quem souber de mais algum nessa onda, POR FAVOR, me diz aqui nos comentários –, então vale a pena dar uma olhada nos vídeos do Youtube e ir atrás do álbum da ZZ. ;)

Até a próxima!

Anúncios

TOP 3: Gym Class Heroes

Sabe aquela pessoa que é apaixonada pelas músicas que tem? Tanto que nem quer dividir com os outros? hahahaha… Então, eu sou totalmente meio assim, mas existem umas músicas tão legais que acho um absurdo que mais pessoas não conheçam. Continuam o clima de hip hop e rap do último post sobre o B.o.b., escolhi falar de Gym Class Heroes.

GCH é uma banda nova iorquina que faz um tipo diferente de hip hop misturando-o com rock e pop. Eles começaram em 1999 e já tem 6 álbuns (dois deles independentes); o último, The Papercut Chronicles II, foi lançado ano passado. O vocalista, Travie fofo McCoy lançou um álbum solo em 2010, Lazarus, mas continua firme e forte (e focado) na banda – que é muito amiga do Fall Out Boy (vocês já devem tê-los visto nos clipes de músicas como Dance, Dance e This Ain’t a Scene).

The Papercut Chronicles (2004), As Cruel as School Children (2007) / The Quilt (2008), The Papercut Chronicles II (2011)  

O que eu mais gosto nas músicas do GCH é que elas, quase sempre, tem uma vibe positiva e dá pra perceber que todos gostam do estão fazendo. Outra coisa legal é que eles estão sempre fazendo músicas com outros artistas e só depois que escolhi as três percebi que todas são featuring alguém hahahaha.. Espero que curtam! :)

TOP 3: B.o.B

Um dos cantores que não sai do meu iPod, que tem pelo menos uma música no meu top 20 e que todo mundo pensou que fosse sumir depois de um sucesso. B.o.b. aka Bobby Ray (Winston-Salem para os íntimos) começou no mundo da música em 2006 (quem diria?) com um estilo de rap mais suave do que estavamos acostumados.

Diferente de rappers como Notorious Big e 50 Cent, Bobby Ray aposta em um rap mais suave, ritmado, mais “clean” até. O primeiro álbum B.o.b. presents The Adventures of Bobby Ray emplacou com as parcerias de Bruno Mars em Nothin’ On You e Hailey Williams (Paramore) em Airplanes – outra que vale a pena é Magic em parceria com Rivers Cuomo (vocalista do The Weezer). Sem falar nas centenas de participações em músicas de outros artistas…

Esse ano Bobby (que intimidade, né? hahaha) lançou mais um álbum: Strange Clouds. Esse tem uma pegada mais pessoal e menos pop, mas eu adorei tanto quanto o último. Eu escolhi as minhas três músicas favoritas pra compartilhar com vocês: uma do álbum passado, um single e uma do novo álbum. Espero que curtam ;)